Intensificadas as ações preventivas e de fiscalização para o combate ao mosquito Aedes Aegypti, causador da Dengue, Zicavírus e Chikungunya, através de ações desenvolvidas pala Secretaria de Saúde de Barbalha.  A Prefeitura  reforça a necessidade da participação da população no combate à Dengue, evitando criadouros do mosquito em seus domicílios.

 

É essencial cobrir os depósitos de água, limpar o quintal pelo menos uma vez por semana, eliminando os criadouros encontrados; acondicionar corretamente o lixo e só dispensá-lo no dia da coleta. A Secretaria alerta, ainda, que as pessoas doentes devem procurar atendimento de saúde imediato caso apresentem sintomas como: febre alta, dores no corpo, mal-estar geral, vômitos persistentes, dor abdominal, sangramento, sudorese.

 

 

Mesmo diante das limitações impostas pela pandemia da Covid-19, a gestão municipal, através do setor de endemias, continua realizando as ações para o combate ao Aedes Aegypti, como a investigação de focos, o tratamento larval, a borrifação com bomba costal, o peixamento de reservatórios de água, o atendimento de denúncias e investigação a partir de notificações de casos e borrifação por UBV (Carro Fumacê), no município.