As mulheres assistidas pelo serviço de convivência da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS) de Barbalha participaram de oficinas para capacitação. Os trabalhos foram desenvolvidos nesta quinta-feira, 01, pela equipe do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS-Santo Antônio). Além de capacitá-las ao trabalho e à geração de renda, a iniciativa promove a autonomia, a valorização pessoal e familiar, bem como o convívio comunitário.

 

Periodicamente, as pessoas assistidas pelo serviço de convivência passam pelo processo de capacitação para desenvolvimento de habilidade que possam se transformar em renda. O objetivo principal de promover a autonomia, a valorização pessoal e familiar, convívio comunitário, além de capacitá-las para o desenvolvimento de geração de renda.