Mais R$ 5,7 milhões chegarão aos cofres do município de Barbalha, nos próximos dias, para conter a falta de água potável nas comunidades rurais. A informação foi dada pelo prefeito Argemiro Sampaio, acrescentando que este valor já se encontra em empenho junto à Funasa – Fundação Nacional de Saúde, por meio do presidente do Senado, Eunício Oliveira.

 

Desde o início da gestão, há um esforço da parte do Executivo com o apoio de parlamentares cearenses, no sentido de agilizar recursos para o abastecimento d’água no Município.

 

Há menos de um mês, Argemiro Sampaio anunciou a liberação da parcela inicial de 750 mil reais – num total de R$ 1,5 milhão – para atender as comunidades do pé de serra. Já estão sendo beneficiados moradores do Tabuleiro, Pelo Sinal e Chapada, cujos equipamentos vão interligar suas casas à Fonte do Camelo.

 

A primeira iniciativa, neste sentido, ocorreu nos sítios Boa Esperança, Tabuleiro e Sossego, onde mais de 100 famílias têm água sem qualquer dependência do carro pipa.